As matérias mais interessantes do Curso de Psicologia

Quando ingressam no curso de Psicologia os acadêmicos ficam ansiosos pelas disciplinas práticas e pela possibilidade de ajudar as pessoas de alguma forma. Alguns querem resolver problemas pontuais das comunidades onde atuam, mas é preciso muita cautela. Até chegar a um consultório, o caminho deve ser percorrido com calma e muito estudo. No entanto, sala de aula não significa monotonia.

Conheça agora as matérias mais interessantes do Curso de Psicologia

psicologia infraestrutura

No Curso de Psicologia da FSG, a pesquisa está presente desde o primeiro semestre, por meio das Atividades Práticas Supervisionadas (APS). O estudante de psicologia terá contato com disciplinas de diferentes áreas. Já no primeiro semestre ele estuda Neuroanatomia, Dimensões Antropológicas e Sociais na Saúde e Desenvolvimento Humano: gestação, nascimento e infância.

Um dos diferenciais do Curso de Psicologia da FSG é que ele oferece duas ênfases para o futuro psicólogo. Após cursar as disciplinas comuns para o Bacharelado em psicologia, o acadêmico poderá optar por ênfase em Psicologia do Trabalho e das Organizações ou Saúde e Educação.

As disciplinas mais aguardadas pelos estudantes de psicologia são aquelas que compõem a Psicologia Clínica: Clínica Psicanalítica, Clínica Cognitivo-comportamental, Clínica Sistêmica, Psicopatologia e Saúde Mental. Todas essas disciplinas são desenvolvidas em um ambiente clínico especial, localizado no Instituto Integrado de Saúde FSG.

A forma de abordagem feita pelos professores também atrai os estudantes. Na FSG, todos os professores trazem para a sala de aula exemplos extraídos de suas próprias clínicas e os estudantes gostam muito, pois é nesse momento que eles se aproximam mais do que será exigido no mercado de trabalho. São nessas matérias, inclusive, que eles obtêm conhecimentos que permitem certo grau de identificação, despertando nos alunos o desejo de poder ajudar ao próximo.

Um mercado amplo e promissor

Curso de Psicologia

O psicólogo atua não só em consultórios e clínicas, mas também em escolas e empresas, desenvolvendo e estruturando políticas de Gestão de Pessoas, participando do treinamento de profissionais de diversas áreas.

Alguns ramos interessantes para se trabalhar dentro da área são: Psicologia Organizacional e do Trabalho, Psicologia do Trânsito; Psicologia Jurídica, Psicologia Social, Psicologia Escolar/Educacional, Psicologia do Esporte; Psicopedagogia; Psicomotricidade e Neuropsicologia.

Atualmente, com a realização de grandes eventos esportivos no Brasil, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas (2016) a atuação do psicólogo junto a clubes e atletas individuais vem sendo cada vez mais requisitada.

O psicólogo vem tendo uma ação cada vez mais integrada com profissionais de diferentes áreas, como os nutricionistas. É bastante comum o trabalho conjunto entre psicólogos e nutricionistas no atendimento de pacientes que buscam mais saúde ou uma reeducação alimentar.

Outro setor em expansão é o da Psicologia Jurídica, onde o psicólogo criminal ou psicólogo forense estuda o comportamento dos criminosos, faz diagnóstico de prisioneiros, avalia falsas memórias de depoimentos e testemunhos e prepara as equipes do corpo policial para lidar com conflitos.

O Curso de Psicologia da FSG prepara os futuros profissionais para atuarem em todas essas frentes. A pesquisa faz parte do dia-a-dia em sala de aula. A Instituição conta com inúmeros convênios com instituições das mais diferentes áreas, proporcionando estágios curriculares e mesmo aproximando os estudantes das oportunidades de estágios extracurriculares.

Na FSG, o acadêmico de psicologia ainda tem a possibilidade de realizar intercâmbio para diversos países, como Argentina (Buenos Aires), Chile (Santiago), México, Portugal e Espanha, realizando parte dos estudos em instituições conveniadas. Quem escolhe o curso de psicologia da FSG certamente sairá preparado para atuar na área em que escolher.


0 Comentários

Sem Comentários

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este artigo.

deixar Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *