Dicas para escolher o curso certo

Todos os anos, no Brasil, existe uma quantidade enorme de pessoas lutando por uma vaga nas Faculdades. Além da angústia da competição, existe a angústia da indecisão: estou fazendo o curso certo?

Não há receita milagrosa com indicações precisas sobre o curso certo. É uma questão pessoal que, com certeza, levará vários fatores em conta, como: habilidades específicas, questões sociais, familiares e, sobretudo, de mercado.

Pois bem, nosso objetivo hoje é te ajudar a identificar quais os fatores, devem ser considerados pra facilitar a escolha do seu curso certo.

escolha o curso certo

Peça Orientação

Participar de um programa de orientação profissional pode ser bem interessante na escolha do curso certo. Através de testes de identificação, estudos de histórico pessoal, e muita conversa, o pscicólogo vai auxliar a descobrir suas vocações e te ajudar a trilhar o melhor caminho. Você pode optar também pelo auxílio de Coaching, que é um trabalho desenvolvido baseado no objetivo de cada um, seja ele profissional ou pessoal. O coach  atua como um olhar externo para o cliente, apoiando-o em seu autoconhecimento.

Levar em conta as instruções de um profissional admirado por você, também é uma ótima alternativa. Avalie sua rotina, seus relacionamentos, os momentos de tomadas de decisão.  Reflita sobre as informações que você recebe e tome a decisão.

Quanto mais consistente e consciente, melhor!

Considere os fatores internos e externos

Internos:

Os fatores internos são aqueles que só você pode entender. Um sonho ou talento que você carrega desde criança, sobre fazer as mesmas coisas que o seu avô fazia, por exemplo, ou determinada tarefa que você desempenha com mais desenvoltura. São fortes indicativos de um caminho a seguir. Faça uma lista daquilo que você gosta e preste atenção nos elogios que as pessoas dirigem a você. Esses sinais vão te ajudar a agrupar suas áreas de interesse.

Externos:

Se você estiver mais focado no status, ou seja,  reconhecimento, prestígio social e remunerações elevadas. Preza o bem-estar social acima do prazer pessoal, o seu ponto de atuação será outro. Se este for o seu caso, escolha profissões que te possibilitem alto retorno financeiro.

Tome decisões conscientes

Se mesmo depois de considerar esses dois fatores você ainda estiver com dúvida, não opte por uma profissão tão específica, como Odontologia, Arquitetura, Geologia, Matemática. Melhor não arriscar!

Neste caso, escolha cursos que te propiciem aumentar a cultura geral, que deem mais opções de estágio, porque é na prática que você vai poder identificar se está no caminho certo ou não. São exemplos destes cursos: Economia, Comunicação Social, Administração de Empresas, Sociologia, entre outros.

Não escolha o curso por impulso, aquele que está em alta por uma determinada questão da economia, ou evento específico. Faça a escolha que lhe dará mais chances de se destacar e na qual você se sentirá mais a vontade.


0 Comentários

Sem Comentários

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este artigo.

deixar Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *