Engenharia Mecânica: áreas de atuação e média salarial

Máquinas e equipamentos, pesquisa e desenvolvimento, processos, projetos e vendas técnicas. Estes são alguns dos produtos com os quais um engenheiro mecânico pode trabalhar. A Engenharia Mecânica é a área da engenharia que cuida do desenvolvimento, projeto, construção e manutenção de máquinas e equipamentos, portanto, as funções de um engenheiro mecânico vão desde a área de bens de capital às indústrias automobilística e aeronáutica, que oferecem ótimas oportunidades de trabalho.

1-_HER5019

Além disso, esses profissionais podem atuar na área de energia, particularmente na exploração de petróleo, no desenvolvimento de máquinas e equipamentos para perfuração de poços e transporte de fluidos, na criação de mecanismos de armazenamento e distribuição de energia, com o uso de sistemas nucleares, geotérmicos, solares e eólicos.

5 áreas em que o engenheiro mecânico pode atuar

Quando o aluno pensa em prestar vestibular para o curso de engenharia mecânica, por mais que ele já tenha ouvido falar do curso ou mesmo conheça alguém da área, ele acaba por se questionar: quais são exatamente as funções de um engenheiro mecânico?

Este profissional conta com a flexibilidade de poder atuar em diversas áreas, como:

Indústria Metalúrgica: na indústria, o engenheiro é responsável por realizar e conduzir projetos, organizar a produção, gerir suprimentos e recursos, comandar equipes e até mesmo gerenciar setores de projeto, podendo chegar, ao longo da carreira, a assumir postos de direção.

Indústria Petroquímica: neste tipo de indústria, o engenheiro mecânico pode desenvolver projetos que envolvam bombeamento, refino, processamento e distribuição de produtos petroquímicos, ser responsável por equipamentos da planta ou atuar na gestão de equipes.

Indústria Automobilística: o engenheiro mecânico ganha espaço na indústria automobilística em praticamente toda a cadeia de produção, indo desde a gestão de produção, passando por projeto de componentes, sistemas de refrigeração, motores, suspensão e carroceria e chegando à gerência de projetos e direção geral.

Bancos: engenheiros são solicitados nos bancos em áreas de análise de investimentos. A característica de forte formação matemática somada à grande capacidade de análise e síntese do engenheiro, torna-o um excelente analista de mercado.

Setor Público: No setor público, o engenheiro mecânico ganha lugar em prefeituras e governos estadual e federal, auxiliando no desenvolvimento regional, através de seus conhecimentos de projeto e gestão e atuando em setores de fiscalização e condução de obras.

Em resumo, devido a sua grande capacidade de raciocínio lógico, conhecimentos matemáticos e poder de síntese e análise, são muitas as possibilidades de carreira e atuação no mercado de trabalho para o engenheiro mecânico.

Quanto ganha um engenheiro mecânico? 

O salário de engenharia mecânica é ditado por diversos fatores que incluem: necessidades regionais, demandas técnicas específicas, qualificação necessária para o cargo, setor da economia, conhecimento de idioma estrangeiro, entre outros. Desta forma, o salário será sempre função da necessidade e da disponibilidade da empresa pagar mais por seu quadro de engenheiros.

A exemplo disso vemos empresas como Petrobrás, Usiminas e Vale, que efetuam programas de treinamento remunerado e, a este, vantagens que chegam a incluir o pagamento de pós-graduação. À parte das questões de sazonalidades e de necessidades específicas, segundo a lei, o engenheiro mecânico tem um piso salarial mínimo que deve ser respeitado em todo o território nacional.

Além do piso salarial, a lei estabelece que a jornada de trabalho para o engenheiro mecânico seja de seis horas diárias. As horas restantes devem ser remuneradas na qualidade de horas extras, ou o piso salarial deverá ser ajustado. Para trabalho em regime de seis horas é de seis salários mínimos (atualmente R$ 5.622). Se o profissional trabalhar em regime de oito horas diárias, o salário deve ser ajustado para um valor entre oito salários mínimos e meio a nove salários mínimos (atualmente entre R$ 7.965 e R$ 8.433).

Cidades brasileiras com destaque na engenharia mecânica

Dentre as áreas de atuação da engenharia mecânica, a indústria automotiva se destaca em São Paulo, já para os interessados na área de máquinas e equipamentos, o mercado encontra-se em ascensão no Rio Grande do Sul. Já o Nordesde se destaca na área do petróleo e gás. Há também oportunidades de trabalho em empresas dos setores sucroalcooleiro, alimentício, siderúrgico, aeronáutico e químico.

Analisando o cenário como um todo, as melhores possibilidades de trabalho para o engenheiro mecânico estão nos centros mais industrializados do país, como a região do Grande ABC, em São Paulo, Porto Alegre (RS), Camaçari (BA), que tem uma unidade da Ford, Campinas e São José dos Campos, ambas no interior paulista.

O sucesso da carreira de um profissional de Engenharia Mecânica está atrelado ao seu esforço, estudo e desempenho. O mercado de trabalho busca por profissionais com  perfil generalista e a FSG trabalha para que o graduado esteja apto a compreender e traduzir as necessidades de indivíduos, grupos sociais e comunidade, com relação à concepção, organização e construção do espaço interior e exterior.


9 Comentários

  1. Avatar
    Yan novembro 17, 2014

    Excelente matéria!

    Reply
  2. Avatar
    almir aparecido da costa dezembro 11, 2014

    boa noite sou almir ap.
    parei de estudar faz muito tempo me deu muita vontade de fazer uma faculdade de engenharia mecanica,
    pois tenho muito medo de nao conseguir mas tenho uma grande forca de vontade de conquistar meus objetivos
    para melhoria da minha familia.
    gostaria de ouvir seu consenho, erguer a cabeça e ir a batalha é tudo que quero.conquistar e ensinar adoraria.

    Reply
  3. Avatar
    Lucas dezembro 16, 2014

    Muito obrigado , tirou muitas dúvidas que eu tinha .
    Muito bom !

    Reply
  4. Avatar
    felipe oliveira Fevereiro 02, 2015

    Gostei muito me ajudou ainda mas seguir esta carreira um pouco dificil pelos calculos mas prazeroso poder projetar algo contruir isto me anima mais

    Reply
  5. Avatar
    Pedro Cabral Fevereiro 10, 2015

    muito bom!!

    Reply
  6. Avatar
    Diogo gomes de oliveira Março 20, 2015

    Estou em duvida. em Engenharia de Produção ou Mecanica . estou concluindo tecnico em mecanica e Petroleo e gàs. pretendo continuar a eatudar.

    Reply
    • Avatar
      Equipe FSG Março 23, 2015

      Olá Diogo

      Para te ajudar a conhecer melhor os dois cursos, você pode entrar em contato com os coordenadores para tirar dúvidas ou até mesmo marcar uma visita. Basta entra nas página dos cursos de Engenharia e contatar os coordenadores por meio do formulário.

      Abraço.

      Reply
  7. Avatar
    Teodosio Ramos Soto Março 22, 2015

    Excelente matéria, de facto um aluno tem sido feito uma questão em querer escolher o curso de engenheiro mecânico. mais o que tem acontecido desde as nossas infância, temos sidos gostados de brincar os objetos produzidos por engenheiro mecânicos e o mais engraçado tem acontecidos com nos os Jovens. as vezes tentamos consertar os nossos brinquedos.

    Reply

deixar Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *