Seis grandes motivos para cursar Terapia Ocupacional

Na hora de escolher sua profissão, muitas dúvidas podem surgir, principalmente sobre o curso e o mercado de trabalho. Por isso, sempre procuramos esclarecer algumas dúvidas sobre os temas aqui no blog da FSG, o Centro Universitário da Serra Gaúcha.

Hoje, o assunto é o curso de Terapia Ocupacional. Selecionamos seis grandes motivos para fazer essa Graduação. Confere:

1 – Profissão reconhecida no mundo inteiro

Embora não seja tão difundida, a profissão de terapeuta ocupacional é bastante antiga. No Brasil, ela surgiu logo após a 2ª Guerra Mundial, ou seja, há mais de 70 anos.

No mundo inteiro, o profissional de Terapia Ocupacional existe ainda há mais tempo. Em 2017, a profissão estará completando 100 anos.

2 – Mercado de trabalho em expansão permanente

Prestem atenção: de acordo com o Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito 5) são 497 municípios no RS e apenas 750 terapeutas ocupacionais com formação. Há muito espaço para trabalho, já que diversas áreas da saúde governamental necessitam desses profissionais.

Isso faz com que hajam diversos concursos públicos municipais, estaduais e federais com pouca procura e competitividade.

A procura por profissionais de Terapia Ocupacional também é grande em outros espaços como hospitais e clínicas particulares. Além disso, pode trabalhar em atendimento domiciliar, o que rende um bom retorno financeiro.

terapia_ocupacional2_600px

3 – Fazer a diferença na vida das pessoas

Ajudar a quem precisa está no coração do terapeuta ocupacional. A profissão é gratificante porque nela é possível fazer a diferença na vida das pessoas, auxiliando em alimentação, higiene, lazer, convivência social, trabalho, entre outros.

O profissional em Terapia Ocupacional é o responsável por avaliar a dinâmica do dia a dia das pessoas e que possa estar influenciando nela, como por exemplo, problemas psicossociais, sequelas de acidentes ou doenças.

O Curso de Terapia Ocupacional na FSG

Apenas quatro instituições de ensino superior no RS oferecem o Curso de Terapia Ocupacional, e uma delas é a FSG, também única a oferecer a Graduação na Serra Gaúcha. Reconhecido pelo Ministério da Educação, o curso possui alguns destaques, que também são incentivo a estudar.

4 – Ótimos professores

A maioria dos professores de Terapia Ocupacional da FSG possui Mestrado ou Doutorado em alguma área relacionada à profissão. A instituição também prioriza a contratação de docentes que tenham experiência no mercado de trabalho, para poderem compartilhar com os estudantes.

5 – Disciplinas compartilhadas e multidisciplinaridade

O Curso de Terapia Ocupacional da FSG segue o que há de mais moderno em termos de educação superior: disciplinas compartilhadas e multidisciplinaridade. Isso possibilita ao estudante, durante sua Graduação, ter contato com alunos e futuros profissionais de outras áreas relacionadas.

Ao todo, o curso tem duração de 4 anos. Como ele funciona à noite, o aluno também tem a possibilidade de estudar e trabalhar ao mesmo tempo.

terapiaocupacional600px

6 – Laboratórios e infraestrutura

Outro grande destaque da FSG é sua infraestrutura disponível para os cursos da área da Saúde. No caso de Terapia Ocupacional, são dezenas de laboratórios como Anatomia, Histologia, Cinesiologia Adulto e Infantil, Salas de Atendimento, Laboratórios de Atividades Expressivas, junto ao Instituto Integrado de Saúde (IIS).

Além disso, os acadêmicos do Curso de Terapia Ocupacional da FSG têm a sua disposição o Apartamento Adaptado, um espaço que possibilita atendimento clínicos e vivências práticas com pacientes que possuem dificuldades. O ambiente é como uma moradia, com sala de estar, cozinha, banheiro e quarto. A diferença é que neste apartamento todas as peças são pensadas para atender pessoas com deficiências. Os espaços são pensados para facilitar o deslocamento em cadeiras de rodas, há barras de apoio e torneiras de fácil utilização, por exemplo.

banner_site_saude_1920x400px